Depois do impasse de quase 3 meses nas negociações, o Sindicato do Comerciários de Marília garantiu hoje (26), o reajuste salarial de 10,42% retroativo a 1º de setembro, data base da categoria. A Convenção Coletiva de Trabalho 2021/22 dos comerciários assinada com o Sindicato Patronal, repõe as perdas inflacionárias do período e deve beneficiar mais de 10 mil trabalhadores em Marília e região.

“Um ano difícil e que mais uma vez prevaleceu o bom senso entre as partes e garantimos um reajuste que beneficia a família comerciária e também a cidade, porque esse dinheiro retorna ao comércio local”, disse Mário Herrera presidente do Sindicato.

Devido a Pandemia da Covid-19, a novidade na Convenção Coletiva é possibilidade de pagar o reajuste de duas formas, na primeira delas – é o pagamento de 10,42% retroativos a 1º de setembro de 2021 com as diferenças salariais de setembro, outubro e novembro pagas na folha de pagamento de dezembro. Na outra opção, o reajuste salarial de 10,42% pode ser aplicado a partir de 1º de janeiro 2022 e as diferenças dos meses de setembro, outubro, novembro, dezembro, 13º salário e férias e 1/3, devem ser pagas ao empregado em até 3 vezes, nas competências de janeiro, fevereiro e março de 2022. “Equalizamos as necessidades dos empregados e do setor patronal nessa Convenção e garantimos direitos, reajuste e trabalho digno ao comerciário nesse momento difícil que o mundo atravessa”, ressaltou Herrera

Todas as demais cláusulas econômicas e assistenciais da Convenção Coletiva de Trabalho foram mantidas. “Esperamos que o comerciário fiscalize junto com o nosso Sindicato a aplicação da Convenção Coletiva. Caso a empresa que você trabalhe, esqueça de pagar o reajuste, ligue para o Sindicato no 3413-1059 que nós vamos lembrar o seu empregador e garantir os seus direitos”, explicou Herrera