Depois da reforma trabalhista menos direitos…

Isso mesmo!
Depois da reforma trabalhista os patrões ainda buscam retirar direitos do trabalhador em pleno 2019. Essa história de reforma trabalhista que beneficia trabalhador, não passa de uma fábula.

Após a reforma trabalhista o que vemos diariamente acontecer, é que tudo se tornou mais difícil para o trabalhador e hoje lutamos para não perder direitos, enquanto antes buscavamos conquistar direitos.

Na Convenção Coletiva que estamos negociando desde setembro, o setor patronal busca apenas retirar direitos, deixando bem claro uma postura autoritária, demostrando que cada vez mais deseja submeter o trabalhador a executar sua função ganhando menos.

Vergonha é o setor patronal negar reajuste e buscar subtrair direitos em uma Conevenção que deve beneficiar o trabalhador.

Fiquemos atentos, pois ainda vem por aí uma reforma trabalhista que se for realizada mais uma vez com foco no trabalhador, aí sim, estaremos completamente escravizados pelos sistema empresarial e politico.

MÁRIO HERRERA (MH)